Qual a relação entre o café e o seu intestino?

Além do prazer, para muitas pessoas, o café é também um grande aliado para estimular o intestino.

Para muitas pessoas, o tempo entre o primeiro gole de café e a visita ao banheiro é de apenas poucos minutos. Isso porque o café exerce sim um poder importante sobre o funcionamento do intestino.

Explicamos: a cafeína estimula o sistema nervoso central (SNC) e a medula espinhal. Com isso, o nervo vago – ou nervo pneumogástrico – liga o sistema nervoso ao trato digestivo. Assim, estimular o SNC também afetará a digestão.

Além disso, a cafeína contém agentes estimulantes do cólon chamados de teofilina e xantina. Eles criam contrações chamadas de “peristaltismo”. Isso move as partículas ao longo do intestino, fazendo com que o bolo fecal se aproxime do seu reto e, de repente, você tem aquela sensação de movimento intestinal urgente.

Por que isso acontece tão rápido?

Claro que a velocidade com que isso pode acontecer depende de cada metabolismo. O modo como a cafeína é absorvida é totalmente subjetivo. Mas, para muitos de nós, é a nossa primeira bebida depois de acordar. Logo, se esse primeiro café for acompanhado de um alimento com fibras, o resultado pode ser sim a regularidade intestinal.

Alguns indivíduos podem nem sequer sentir os efeitos laxantes da cafeína, enquanto outros vão reagir imediatamente. Pessoas com síndrome do intestino irritável (IBS) ou doença do intestino irritável (IBD) são geralmente mais sensíveis. Devem, portanto, ser mais cautelosos ao ingerir café e outras bebidas cafeinadas.

Café é diurético?

Algumas pesquisas sugerem que a xantina presente na cafeína estimula a diurese da água (fazendo xixi depois de tomar água). Mas isso pode depender da quantidade de cafeína ingerida. Estudos indicam que os efeitos diuréticos da cafeína são experimentados apenas com quantidades iguais ou superiores a 250 mg.

Embora a cafeína tenha certo efeito laxante sobre a maioria das pessoas, é claro que nenhum estudo ou especialista recomenda a ingestão da bebida para esse propósito. Se você sentir, no entanto, que está indo demais ao banheiro, tente controlar a quantidade de café ingerida ou ainda experimente o descafeinado. O equilíbrio é sempre a melhor saída.

Achou um erro ou um link quebrado? Clique aqui para reportar.