Mate Leão vai virar café gourmet

Marca comprada pela Coca-Cola entra no mundo dos cafés especiais

11
Café Leão

Embalagens do Café Leão.
Divulgação: The Coca-Cola Company.

Quem não conhece a marca Mate Leão, comprada pela Coca-Cola em 2007? A Leão para mim, por exemplo, tem sabor de infância. Criada em 1901, a marca está se renovando e anunciou no último dia 14 que também vai passar a investir no ramo de cafés tipo exportação. O anúncio foi feito pela Coca-Cola, que pretende entrar no ramo de cafés de qualidade através da marca Leão

O Café Leão deve ser posicionado como um produto tipo exportação. A Coca-Cola pretende elaborar um produto com grãos 100% arábica, cultivados aqui mesmo no Brasil. Os níveis de torra serão será médio ou escuro. Segundo a empresa, os grãos devem vir do cerrado mineiro e das montanhas do Espírito Santo e serão produzidos por uma rede de pequenos e médios cafeicultores das duas regiões.

O problema é que apenas quem mora no Rio de Janeiro, São Paulo e Curitiba poderá degustar o café, pelo menos inicialmente. Apenas em 2017 a Coca-Cola pretende expandir a distribuição para outros pontos do país. Até lá, caso você more em outra cidade, poderá adquirir o Café Leão via internet a partir de setembro.

O Café Leão vai estar disponível em 4 embalagens: 500g em grãos de torra média, 500g em grãos de torra escura, 250g moído de torra média e 250g moído de torra escura. Os pacotes de 500g tem preço sugerido de R$ 25 e os de 250g, de R$ 9,50. A partir de agosto, a Coca-Cola inicia um ciclo de degustação do produto em pontos de venda.

Para saber mais sobre o Café Leão

Se você ficou interessado e quiser mais informações sobre o produto da Coca-Cola, visite o site da empresa para ler o comunicado. Além disso, não esqueça de deixar um comentário dizendo o que achou do Café Leão quanto tiver a oportunidade de degustá-lo.

11

Achou um erro ou um link quebrado? Clique aqui para reportar.