Café extraforte tem mais cafeína?

Quem nunca se perguntou se aquele café mais torradinho tem mais ou menos cafeína?

1

Você acorda de manhã e abre aquele pacote de café “extraforte” esperando encontrar uma dose extra de cafeína, não é verdade? Quem nunca associou torra escura com cafeína a mais?

Mas você também já deve ter ouvido que o calor destrói a cafeína, por isso os cafés de torra clara teriam mais cafeína por grão.

Enfim, quem tem razão nessa história? Que tal um pouco de ciência nesse momento?

Cafeína

Explicando o que é a torra

Primeiro, você precisa saber o que o rótulo extraforte esconde. Normalmente ele é sinônimo de café ultra torrado. Às vezes (nem sempre, ok?) o café é ultra torrado para esconder imperfeições, assim fica mais difícil de identificar um sabor ruim como a adstringência do café verde.

Para refrescar a memória, dê uma olhada no artigo sobre os diferentes tipos de torra do café.

Por outro lado, torras mais claras tendem a conservar melhor os aromas e sabores naturais do grão. Por isso ela é bastante usada em cafés de alta qualidade.

Parem de me enrolar: quem tem mais cafeína?

Calma, já estamos chegando lá.

Primeiro, a gente precisa saber em qual momento da torra a cafeína começa a se desnaturar, ou seja, a ser destruída.

A cafeína começa a derreter a partir de 238°C (obrigado, Wikipedia). Já a torra do café acontece entre 180°C e 240°C.

Assim, se o seu café extraforte não atingiu os 238°C, ele provavelmente vai ter a mesma quantidade de cafeína que o café menos torrado correto?

Bom, aí vem a parte “matemática” da coisa. Quando o grão é torrado, ele perde água e fica maior e menos denso. Ou seja, é como uma pipoca: ele fica grande e leve.

Quanto maior um objeto, mais espaço ele ocupa. Ou seja, quanto mais torrado, mais espaço um grão de café ocupa e menos grãos você precisa para encher um recipiente.

Para complicar ainda mais as coisas, o método de preparação pode mudar tudo. Quanto mais tempo em contato com a água, mais cafeína a sua bebida tem.

A cafeína pode ajudar no trabalho

Meu Deus, eu preciso ser físico para fazer café?

A gente diria que café é ciência.

Então, para concluir essa história toda:

  • Se um grão da mesma variedade não foi torrado a mais do que 238°C, ele teoricamente tem a mesma quantidade de cafeína que um grão menos torrado.
  • Se um grão da mesma variedade foi torrado a mais do que 238°C, ele teoricamente tem menos cafeína.
  • Quanto mais torrado um grão, mais espaço ele ocupa e menos matéria ele tem.
  • Um café que ficou 4 minutos em contato com água tem mais cafeína que um que passou 25 segundos.

Se o que você busca em um café é cafeína, então prefira extrações mais lentas, com cafés menos torrados. Dessa forma você fica na zona de segurança e poderá desfrutar de tudo de bom que a cafeína podeoferecer.

Ah, que tal ler um artigo sobre os mitos relacionados à cafeína?

1

Achou um erro ou um link quebrado? Clique aqui para reportar.